Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu Mundo:-)

O meu Mundo:-)

Caixinha de chocolates

floreca, 28.12.04

Comentários sobre: Feliz Natal
Muito obrigada pelos teus votos. Vou contar-te uma coisa. Este Natal foi muito triste para mim, fez-me falta alguém especial ao meu lado, apesar de ter os meus pais queridos e a minha maninha. Quando li, num fórum sobre animais onde participo, uma amiga que escreveu a reclamar que o que recebeu do marido foi uma caixa de after-eights, sorri (sei que se adoram) e depois de repente comecei a chorar por não ter quem me ame e me ofereça uma caixa de chocolates. Escrevi lá isso mesmo. Entre muitas das respostas, alguém me disse que um dia destes também eu vou ter direito à minha caixinha de chocolates. Eu acreditei. E é com este pequeno sonho que quis partilhar contigo que te digo: também vais ter direito à tua caixinha de chocolates. Não comento aqui muito mas, pelo que tenho lido, deu para perceber que tens um coração lindo e ele não passa despercebido. Desculpa a mensagem longa, mas fiquei comovida... Beijo enorme. Enviado por Carla em dezembro 28, 2004 06:36 AM

Esta madrugada deixaram-me este comentário, que li quando aqui cheguei. Fiquei comovida, eu também, quando o li.
Talvez porque a Carla entendeu muito bem o que escrevi. Talvez porque há muitas "Carlas" neste mundo. Talvez eu seja uma delas... ou talvez não!
Sei bem a falta que faz esse alguém especial para nos oferecer (nem que seja!) uma caixinha de chocolates.
Eu tenho muita gente que gosta muito de mim, nem tenho dúvidas. Pessoas para as quais eu sou realmente importante. Pessoas que não se cansam de o mostrar. Algumas delas andam por aqui, já o devem ter percebido.
Até tenho um homem que me diz, vezes sem conta, que me ama... mas não está ao meu lado.
Há momentos em que os amigos conseguem que esqueçamos que há outras coisas que nos faltam. Mas há momentos, e o Natal é propício a isso, em que não conseguimos deixar de pensar que não temos aquela pessoa especial com quem queríamos partilhar a nossa vida.
Não é pelo facto de se ser, ou não, casado que essa situação se altera. Quantos e quantos são casados(as) e sentem exactamente o mesmo?!! Eu já o senti...
Como diz a Carla, como alguém lhe disse, digo-o eu: um dia todos teremos direito à nossa caixinha de chocolates!
Eu já tive algumas, confesso... mas será que os chocolates perdem o sabor, com o tempo???

4 comentários

Comentar post