Sábado, 15 de Maio de 2004

Há dias assim...

...em que não estamos tão bem.
Foi o que me aconteceu nos últimos dias. Razões? Nem sei se as tenho...
Tal como disse no artigo que escrevi de manhã, esta noite tive uma longa conversa, com o homem que tem estado ao meu lado nos últimos anos.
Tem sido uma pessoa excepcional, alguém que me tem dado um carinho que já não me lembrava que existisse... tem sido, acima de tudo, um grande amigo.
Entre nós há uma ligação inexplicável, gostamos um do outro de uma maneira que não entendemos, mas que sentimos.
Acontece, tal como já devem ter percebido, que ele não é um homem livre. Mas é um homem com os pés muito assentes no chão e, apesar daquilo que sente por mim, sabe bem o passo que não deve dar. Talvez essa seja uma das razões que fazem com que o respeite tanto...
A verdade é que me habituei a tê-lo ao meu lado... habituei-me às palavras de amor dele, habituei-me às nossas zangas, habituei-me a tanta coisa...
Passou a fazer parte da minha vida de tal forma que transferi para ele a obrigação de me fazer feliz.
Erradamente, claro... isso é algo que só depende de mim.
Por todo o amor que este homem tem demonstrado por mim, sinto-me protegida por ele. De tal maneira que prefiro nem arriscar outras relações que, tal como todas, podem ou não resultar. Estou num ponto em que não me apetece ser magoada e sei que ele nunca o fará. Quantos aos outros, não sei...
Li todos os comentários que fizeram ao que tenho escrito nos últimos dias e tenho de vos agradecer, apesar de não ter respondido um a um. Li coisas que me deram força, que me fizeram pensar e, sobretudo, que me mostraram que não estou sozinha. Acreditem que, e aqueles que me conhecem de outras paragens entenderão isto muito bem, é algo a que já não estava habituada.
É muito bom saber que há gente desse lado que está aí, para ajudar com as palavras... e há aquelas, especiais, que mal me viram entrar no msn me vieram perguntar "estás bem?".
Tenho encontrado pessoas de muito valor, neste mundo virtual. Pessoas de quem gosto muito, mesmo que nem sempre lhes diga... Pessoas que me têm ajudado a encontrar-me...
A todos vocês, o meu "obrigada" por estarem aí:-)

publicado por floreca às 23:17
link do post | comentar | favorito
11 comentários:
De Anónimo a 20 de Maio de 2004 às 17:15
Querida Floreca, pelo que posso deduzir das tuas palavras, sentes te deprimida pela situação em que te encontras, mas por outro lado consigo sentir a felicidade que vives ao lado desse homem! Tu é que sabes, aliás a decisão não poderá ser apenas tua, pois quem tem 1a outra familia é ele. Se por acaso ele abandonar tudo por ti,se as coisas correrem mal não te deverá culpar por nada! Mas se vocês se entendem assim e são como posso perceber tão felizes...para quê complicar! Amem-se muito, muitissimo...e se algum dia as coisas rumarem para outro caminho...rumam! Mas, nada nem ninguém poderá apagar os momentos de intensa felicidade que viveram! Boa sorte! bibila1
</a>
(mailto:bibila1@sapo.pt)


De Anónimo a 20 de Maio de 2004 às 14:57
Guida, vais recuperar... com calma tudo conseguimos:-)floreca
</a>
(mailto:)


De Anónimo a 20 de Maio de 2004 às 10:29
olha eu neste momneto estou numa situaçao parecida
estou em baixo mas a recuperar guida
(http://amrrm.blogs.sapo.pt/)
(mailto:margarida_raposo@hotmail.com)


De Anónimo a 19 de Maio de 2004 às 19:43
Su, a decisão não está nas minhas mãos... por mim, já estava decidido!floreca
</a>
(mailto:)


De Anónimo a 19 de Maio de 2004 às 14:56
Mesmo sem te conhecer...tenho a certeza que vais tomar a decisão certa!Afinal, nós mulheres, sempre soubemos o que é melhor para nós!Força...Sorri o teu coração agradece!Su
(http://procura-me.blogspot.com)
(mailto:)


De Anónimo a 16 de Maio de 2004 às 21:58
Eu não o divido, Ana... porque nem o tenho! Ou melhor, tenho a atenção dele, o carinho, o amor... mas nada mais. É ainda mais complicado do que parece... floreca
</a>
(mailto:)


De Anónimo a 16 de Maio de 2004 às 21:54
De todas as experiencias pelas quais passei... as tuas e as de milhares de pessoas, aqui esta uma nada facil... so acho q n tens de decidir tudo sozinha...
Concordo e entendo perfeitamente q tens medo de ter outra relaçao ou de sair desta, para n sofreres... pq, pelo q me parece, o q esta mal aqui é n teres esta pessoa por completo... mto sinceramente, acho q n te devias condicionar ou acomodar a esta situaçao... deixa-te ir, de qq das maneiras! Com tts duvidas, ressaltas o desejo de quereres mto + p ti, neste momento... luta por isso, linda! Eu nunca compreendi e nunca aceitei (e ja passei por coisas parecidas) o facto de dividir alguem... posso dividir tudo o resto, menos alguém (cm pessoa) e mto menos o homem que me faz e eu faço feliz... há qq coisa q n joga bem! Força, nós sabemos o caminho a tomar sp... bjocasana
(http://biografia.blogs.sapo.pt/)
(mailto:anaimsantos@sapo.pt)


De Anónimo a 16 de Maio de 2004 às 06:53
eheheh, Salta Pocinhas, o teu nome também não é parecido com o do teu blog! Normalmente passo com o rato por cima do link para ver de onde vêm aqueles que conheço menos bem. Obrigada pela tua "intromissão", tens toda a razão... se aqui escrevi isto, queria a vossa opinião, sim. Só um pequeno comentário: esta é uma relação que nem existe... floreca
</a>
(mailto:)


De Anónimo a 16 de Maio de 2004 às 06:50
Catarina, esse sentimento de "quase morrer por ele" conheço eu bem... mas não actualmente, felizmente! Há paixões que nos deixam completamente tolas!!! Esta pessoa não é a certa para mim, nunca será, disso não tenho dúvidas. Com o tempo tudo mudará, tenho a certeza. Obrigada pela tua visita:-)floreca
</a>
(mailto:)


De Anónimo a 16 de Maio de 2004 às 01:36
Olá! Já há muito tempo que não passava por aqui, pois apesar de ter um link para o teu blog não relacionava os nomes (mim burrinha...)!
Li com atenção o que escreveste e não sei o que pensar! Eu tenho uma mentalidade talvez antiquada, sei lá, mas acho que quando duas pessoas se amam a sério devem viver juntas nem que para isso tenham de magoar alguém! Assim também magoam e não resolvem nada! Eu acho que não me dava num relacionamento assim, sou possessiva demais! Mas, a vida é tua e tu é que tens de fazer o que for melhor para a tua felicidade que é afinal o que todos procuramos. Desculpa a minha intromissão num assunto tão íntimo, mas se o expuseste é porque queres mesmo ouvir opiniões. E a minha é esta. Bom domigo. Beijinhosalta-pocinhas
(http://fabulas.blogs.sapo.pt)
(mailto:mapsl@sapo.pt)


Comentar post

Agosto 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23

25
26
27
28
29
30
31


os outros

Corpos e Almas
O meu Mundo:-) I
o cantinho da nena
Blogue de Notas

mais sobre mim

artigos recentes

The one that got away

e vão..

Feliz Natal

I'm all alone and I need ...

Der Himmel soll warten

Fim-de-semana

Just breathe...

Datas

46

ok, eu não digo nada!

tema

blogs

dicas

ensino

filme

melhor canção de amor

música

natal

teste

vídeo

todas as tags

arquivos

Agosto 2013

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Maio 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

Dezembro 2003

contacto

e-mail

Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO

subscrever feeds


referer referrer referers referrers http_referer